Sobre Livros

Cada livro que eu leio,
É uma jornada que inicio;
Nela embarco sem receio,

Rumo ao desconhecido.

Abro as página com anseio,
Seguindo um mesmo rito;
Não temo, não titubeio,

Me transporto para o livro.

E assim enquanto eu leio,
Aquilo que foi escrito;

Cada página que folheio,

Vira um porto, um abrigo,
Longe de todo esse escarcéu
Que é a vida que eu vivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s